quinta-feira, 4 de maio de 2017

X Edição do Curso de Identificação, Biologia e Conservação de Aves de Rapina




A Associação Transumância e Natureza, em parceria com o ICNF - Parque Natural do Douro Internacional, a SPEA, a Aldeia, o CERVAS, a ORIOLUS, o Município de Figueira de Castelo Rodrigo organizam a X Edição do Curso de Identificação, Biologia e Conservação de Aves de Rapina, nos dias 26 a 28 de Maio de 2017.
 
O Curso intensivo pretende dar a conhecer a avifauna da região do Douro Internacional e Arribas do rio Águeda, assim como do Vale do Côa, com actividades de identificação guiadas por formadores especializados, onde poderá aprender a identificar rapinas, desde rupícolas a aves nocturnas, e participar na problemática da conservação destas espécies.

O curso conta com a presença dos formadores Carlos Pacheco, Eduardo Realinho, Jorge Amaral, José Jambas e Ricardo Brandão e o programa inclui uma visita à Reserva da Faia Brava, módulos teóricos intensivos que incluem identificação avançada de rapinas e mais profundidade técnico-científica sobre este grupo, três dias de observação no campo, actividades de chamamento de rapinas nocturnas, instalação de caixa ninho para coruja-das-torres, libertação de rapina nocturna recuperada no CERVAS, entre outras novidades.
 No curso está incluído: seguro, material teórico, transporte nas saídas de campo, e utilização de material óptico – binóculos e telescópio. Há possibilidade dos participantes ficarem alojados num espaço cedido pela Câmara Municipal, sendo necessário cada participante trazer o seu saco-cama e colchonete.
O preço é de 120€ por pessoa, mas os sócios das associações ATN, SPEA e Aldeia pagam 95€. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas através deste:
Mais informações contacte Silvia.lorga@atnatureza.org ou através do contacto 271 311 202.
Programa Completo

1º Dia – 26 de Maio (6ª feira)

09h-13h - Visita à Reserva da Faia Brava (opcional)
Almoço livre
14h30 – Encontro em FCR e recepção de participantes

15h00-18h00 - MÓDULO TEÓRICO I Identificação e implementação de acções de conservação para aves de rapina

15h00-16h00 Ecologia, biologia e conservação de aves de rapina no PNDI (formador: Jorge Amaral )
16h00-17h00 Técnicas de observação e identificação de rapinas diurnas. (formador: José Jambas)
17h00 – 17h30 Coffee break
17h30 -18h30 Apresentação Projecto Life – Rupis (formadores: Eduardo Realinho & Núria Vallverdú
Tempo livre
19h30 - 21h00 Jantar oferecido pela organização
21h30 – 22h00 Libertação de rapina nocturna (formador: Ricardo Brandão)

2º dia – 27 de Maio (sábado)

09h00 – 13h00 MÓDULO PRÁTICO I Observação de aves de rapinas de habitats agro-florestais e rupícolas

Caminhada e percurso em autocarro Vilar Torpim – Vermiosa – Santo André
13h00 Almoço no Santo André
(Formadores: Carlos Pacheco, José Jambas, Eduardo Realinho, Ricardo Brandão, Jorge Amaral)

14h30 – 17h30 MÓDULO TEÓRICO II Identificação avançada de rapinas diurnas e nocturnas

15h00 – 16h00  Encarar e contornar as dificuldades no campo. Comportamento animal (formador: Carlos Pacheco )
16h00 – 17h00  Identificação de idade e sexo através de material biológico (formadores: Ricardo Brandão & Carlos Pacheco)
17h00 – 17h15 Coffee break
17h15 – 18h30 Identificação avançada de rapinas nocturnas (formadores: Ricardo Brandão & Carlos Pacheco)
Tempo livre / Jantar

MÓDULO PRÁTICO II – Técnicas de conservação de rapinas nocturnas

20h00 – 20h15 Deslocação até ao convento de Santa Maria de Aguiar
20h15 – 21h15 Recuperação de aves / Instalação de caixa ninho para coruja-das-torres no Mosteiro de Santa Maria de Aguiar (formadores: Ricardo Brandão & Carlos Pacheco)
21h00 – 22h30 Actividade de chamamento de rapinas nocturnas
(formadores: Carlos Pacheco,  José Jambas,  Eduardo Realinho,  Ricardo Brandão, Jorge Amaral)



3º dia – 28 de Maio (domingo)

9h30 – 17h30 MÓDULO PRÁTICO III Identificação de Aves de Rapina e Conservação de aves rupícolas do P.N. Douro Internacional e P.N. Arribes del Duero

9h30 – 13h00 Itinerário em autocarro com paragens em pontos-chave para observação de aves (Alto da Sapinha e Penedo Durão)
13h00 – 14h00 Pausa livre para almoço (picnic no Penedo Durão)
14h00 – 15h00 Transporte até Puerto de la Molinera (Lumbrales)
15h00 – 17h00 continuação de observação e identificação de rapinas
17h00 – 18h15 Transporte até Figueira de Castelo Rodrigo
(formadores: José Jambas, Carlos Pacheco, Eduardo Realinho, Ricardo Brandão, Jorge Amaral)